Tamarindo uma fruta tropical extremamente versátil

Tamarindo é uma fruta tropical típica da África do Sul, mas muito cultivado na Índia, de sabor ácido e doce. Extremamente versátil, pode-se usar sua polpa, sementes e folhas. Sua árvore pode crescer naturalmente em regiões de clima tropical e subtropical e mede aproximadamente 20 metros de altura. Ela possui flores que apresentam cores amarela e vermelha.

No Brasil seu cultivo ocorre em quase todos os estados, mas é consumida, principalmente, no nordeste, mas também está presente em diversas regiões do país e é facilmente reconhecida por sua forma de vagem. O tamarindo serve para fazer doces, sucos e outras bebidas, como licores e, em muitas regiões, também é utilizado para temperar carne ou peixe, por exemplo.

A semente é obtida por meio do processamento da polpa e não possui um sabor muito agradável, por esse motivo ela é mais utilizada na indústria têxtil e de papel, como componente em alguns produtos. Além disso, o germe da semente é utilizado na produção da goma de tamarindo, que é muito utilizada na culinária japonesa. As flores e as folhas podem ser ingeridas como se fossem vegetais, em saladas e sopas. As folhas também são muito usadas para fazer chás e compressas.

Leia também: Suco detox – um poderoso aliado

Leia também: Refrigerantes um verdadeiro veneno

O tamarindo também é utilizado, principalmente na Indonésia, como tintura natural para os cabelos. Além disso, a sua semente, quando triturada e misturada com vinagre ou suco de limão, previne a formação de espinhas.

A fruta deve ser consumida moderadamente devido a sua grande quantidade de calorias (239Kcal a cada 100 gramas), porém ela possui uma enorme quantidade de nutrientes, como vitaminas A, C, E e vitaminas do complexo B (tiamina, riboflavina, niacina, piridoxina e folato), além de sódio, cálcio, ferro, magnésio, manganês, fósforo, potássio, cobre, zinco e selênio. Ainda é fonte de proteínas (2,8 gramas a cada 100 gramas da fruta) e fibras alimentares (5,1 gramas a cada 100 gramas da fruta).

Benefícios do tamarindo

– Ajuda a regular o intestino: O tamarindo é rico em fibras que estimulam os movimentos peristálticos, o que faz com que as fezes se movimentem de maneira mais fácil dentro do intestino. Essas fibras também contribuem com a aceleração da digestão por estimularem o suco gástrico. Ainda, esse alimento é conhecido por ser um “laxante natural”,  mas também pode ser indicado em casos de diarreia por agir na regulação do funcionamento intestinal.

– Contribui com o controle de peso: Seu consumo está relacionado ao controle do apetite. Isso porque o tamarindo é rico em fibras, que, quando consumidas, promovem sensação de saciedade. Mas cuidado com exageros, como dito acima a quantidade de calorias da fruta é bem elevada e deve ser consumida com moderação.

– Ajuda a tratar o diabetes: O tamarindo também diminui a absorção de carboidratos, que podem ser convertidos em gordura e açúcar. Isso faz com que não ocorram picos altos de glicose no sangue, o que é benéfico para diabéticos.

– Possui ação anti inflamatória: O tamarindo é usado em remédios fitoterápicos, que são à base de ervas, para combater processos inflamatórios. A fruta pode ajudar no tratamento de artrite, gota e reumatismo, por exemplo.

– Fortalece o sistema imune: Quando consumido, o tamarindo tem a capacidade de agir no aumento da imunidade e na prevenção de infecções devido sua ação antioxidante. Destaca-se ainda a ação antimicrobiana, antisséptica e antibacteriana, agindo contra as bactérias que causam pneumonia e infecções na pele.

– Auxilia na gravidez: O tamarindo possui ácido fólico em sua composição nutricional, também conhecido como vitamina B9 ou folato. Essa vitamina é indicada principalmente para mulheres grávidas, pois contribui com o desenvolvimento e crescimento adequado do bebê durante a gestação.

– Trata os cabelos e pele: Como já foi dito, o tamarindo é uma boa fonte de vitamina C. Essa vitamina estimula a produção do colágeno que é importante para manter a saúde da pele e do cabelo. Ainda, ele contém a vitamina A que ajuda a manter o cabelo hidratado.

– Auxilia na saúde ocular: Possui vitamina A, o que previne a degeneração da mácula e o desenvolvimento da catarata.

Riscos de consumo e efeitos colaterais

O tamarindo quando consumido em excesso pode causar desgaste do esmalte do dente, por ser uma fruta muito ácida, transtornos gastrointestinais e poderia causar hipoglicemia em pessoas diabéticas que consomem essa fruta juntamente com a medicação.

Além disso, o consumo de tamarindo não é recomendado para pessoas que tomam anticoagulantes, aspirina, antiplaquetários e ginkgo biloba, pois poderia aumentar o risco de sangramento. As pessoas que tomam medicamento para regular o açúcar também devem consultar seu médico antes de consumir o tamarindo.