Maçã emagrece e previne doenças

Uma das frutas mais consumidas em todo o mundo, originária da Ásia Ocidental fruto de uma árvore que pode durar até 100 anos, a maçã possui mais de sete mil variedades, as mais consumidas no Brasil são a gala, fuji e argentina. A maçã emagrece e previne inúmeras doenças, por estes motivos ela é um dos alimentos preferidos e mais recomendados por nutricionistas para quem está tentando perder peso.

Uma maçã possui aproximadamente 50 calorias e é isenta de sódio e gorduras. Outro fato curioso é que 25% da sua composição é ar, daí o barulho característico que se faz ao morde-la. As principais vantagens nutricionais da fruta é a sua grande quantidade de vitaminas do complexo B, vitaminas C e E, potássio, fósforo, ferro, fibras e antioxidantes. Juntas, todas essas substâncias funcionam como um escudo contra uma série de doenças, entre elas o câncer. Existe até um conhecido provérbio inglês, que resume bem o que o alimento proporciona para o organismo: ‘uma maçã por dia mantém você longe do médico’.

Leia também: Frutas Vermelhas um super alimento

Leia também: Você sabe o que são alimentos funcionais?

Benefícios da maçã

Apesar de cada tipo de maçã apresentar suas próprias características, todas elas compartilham entre si uma série de propriedades benéficas, confira algumas delas.

– Auxilia o emagrecimento: A maçã, por ser rica em fibras que demoram a ser digeridas, fornece ao corpo uma saciedade de longa duração. Dessa forma, é de grande ajuda a quem procura resistir à fome ao longo do dia para perder peso. Comer uma maçã algumas horas antes das refeições também pode ajudar a comer menos.

– Promove a desintoxicação do organismo: O papel de desintoxicação desempenhado pelo fígado não é suficiente, de modo que esse órgão se sobrecarrega e passa a acumular em si essas toxinas. Um dos modos mais simples de colaborar para a desintoxicação do fígado é consumir regularmente frutas como a maçã.

– Equilibra o intestino: Um intestino desregulado pode ser ajustado com o consumo adequado de fibras, e um dos benefícios da maçã é fornecer fibras de qualidade em abundância. As fibras da maçã regulam o intestino, ajudando no alívio de quaisquer distúrbios, desde a constipação até a diarreia.

A regularização da atividade intestinal também garante menos estresse sobre o reto, de modo que o consumo de maçã também é uma forma de evitar as incômodas hemorroidas.

– Fortalece o sistema imunológico: O anti oxidante quercetina, encontrado na maçã, foi identificado por pesquisadores como especialmente capaz de fortalecer o sistema imunológico. Essa propriedade da maçã já é há séculos reconhecida pela sabedoria popular, que sempre afirmou a capacidade da maçã de evitar as mais variadas doenças.

– Protege o coração e as artérias: Os mais sérios problemas cardiovasculares originam-se da obstrução de artérias coronárias, provocada pelo acúmulo de gordura. Elementos encontrados na casca das maçãs são capazes de prevenir que as gorduras se solidifiquem dentro das artérias, de modo que a maçã, se comida com casca, é uma forte protetora da saúde cardiovascular.

– Reduz o colesterol: As fibras solúveis da maçã têm a propriedade de se unir à gordura no intestino, o que leva a uma menor absorção de gorduras pelo organismo. Isso é particularmente eficaz na redução dos níveis de colesterol.

– Vitaminas: Uma das propriedades nutricionais mais destacadas da maçã é a sua concentração de vitaminas. Além de conter boas quantidades de vitamina C, a maçã ainda é uma boa fonte de vitaminas do complexo B e vitamina E.

– Protege contra o câncer: Numerosos estudos confirmam os benefícios da maçã para prevenir os tipos mais variados de câncer. Elementos presentes na fruta, sobretudo na sua casca, atuam contra o crescimento de células cancerosas. Além disso, o Instituto Nacional do Câncer dos EUA recomenda uma dieta rica em fibras para prevenir o câncer colorretal, o que também inclui a maçã.

– Ossos saudáveis: Um componente presente apenas na maçã, o flavonoide floridzina, foi apontado em pesquisas recentes como um possível protetor dos ossos das mulheres depois da menopausa, agindo contra a osteoporose ao aumentar a densidade óssea.

– Previne a catarata: Recentes estudos mostram que, a longo prazo, o consumo regular de frutas que contêm antioxidantes (como a maçã) é capaz de diminuir em até 15% o risco de catarata. Essa doença, ainda que seja frequentemente resolvida com cirurgias, ainda é a maior causa de cegueira tratável no mundo todo.

– Dentes brancos e saudáveis: A crença popular de que comer uma maçã substitui a o ato de escovar os dentes não é verdadeira, mas isso não significa que não haja benefícios da maçã para os dentes. A maçã tem a propriedade de estimular a produção de saliva durante a mastigação, o que reduz os níveis de bactérias e, por isso, diminui o risco de cáries e outros problemas nos dentes, mantendo-os também mais brancos.

– Ajuda a controlar a diabetes: Mantém os níveis de glicemia adequados ao corpo, para quem sofre da doença, recomenda-se o consumo de duas maçãs pequenas por dia.

Riscos de consumo e contra indicações

As sementes da fruta devem ser descartadas, pois contêm cianeto e podem causar mal-estar e, em casos mais raros, até a morte por envenenamento. Grávidas e lactantes também devem evitar o excesso da fruta, por não ter informações científicas que comprovem a sua segurança. Uma maçã por dia é suficiente para desfrutar de todos os benefícios do alimento.

É um fato conhecido que muitas vezes são usadas grandes concentrações de pesticidas no cultivo da maçã, extremamente prejudiciais à saúde humana e que se alojam sobretudo na casca, uma das partes mais nutritivas da fruta. O recomendável é consumir a maçã orgânica ou retirar os agrotóxicos da sua maçã banhando-a em uma mistura de água (900 ml), vinagre (100 ml) e bicarbonato de sódio (uma colher de sopa) por 15 minutos antes de consumir. 

O dióxido de enxofre é frequentemente adicionado a maçãs desidratadas para preservar a umidade e a cor, podendo causar alergias em pessoas propensas.