Lentilha um aliado para o bem estar

Para quem só vê lentilha em festas de final de ano, é hora de rever o cardápio urgentemente. Principalmente para as mulheres, o alimento é um aliado perfeito para o bem-estar, trazendo uma gama de poderosos benefícios, que vão desde o controle hormonal até o combate de doenças e enfermidades.

A lentilha é de origem asiática e entre as classificações nutricionais ela participa da família das leguminosas junto aos feijões, grão de bico e soja, sendo um ótimo substituto para o dia a dia. A lentilha é uma boa fonte de proteínas e assim como o arroz com feijão formam uma dupla maravilhosa, o arroz com a lentilha também se casam. Isso porque a lentilha contém lisina, um aminoácido essencial deficiente no arroz, e o arroz por sua vez é rico em metionina e cisteína, aminoácidos deficientes na lentilha. A junção dos dois resulta em uma excelente fonte de proteína de alto valor biológico, ideal para o crescimento e manutenção das células.

Além disso, a lentilha é fonte de vitaminas do complexo B, cálcio, fósforo, potássio e magnésio, micronutrientes importantes para que o nosso corpo trabalhe adequadamente e fique bem nutrido.

Leia também: Mandioca o tubérculo mais amado do Brasil

Leia também: Soja, entenda os prós e os contras

Outros importantes benefícios da lentilha

Manutenção intestinal – Rica em fibras e carboidratos de absorção lenta, a lentilha oferece alto poder de saciedade por retardar a digestão e absorção. Além de contribuir para o funcionamento adequado do intestino.

Prevenção da anemia – Fonte de ferro, a lentilha pode ser uma aliada na prevenção e tratamento de anemia. Mas atenção: para que o ferro presente na lentilha seja absorvido adequadamente pelo nosso corpo, é necessária a ajuda da Vitamina C, presente nas frutas cítricas (laranja, acerola, limão, morango, abacaxi).

Tensão pré menstrual – A lentilha reduz a tensão pré-menstrual por serem ricas em uma substância chamada lignanas, que possuem papel parecido na função dos hormônios femininos no organismo, reduzindo os sintomas de TPM.

Melhora a vascularização – Por ser rica em magnésio, ajuda na vascularização, transporte de nutrientes pelo sangue e flexibiliza as estruturas de veias e artérias, melhorando a pressão arterial.

Melhora o humor – Excelente fonte de triptofano, substância precursora de serotonina em nosso organismo, a lentilha dá uma boa dose de prazer a quem come, melhorando o mau- humor.

Previne câncer de cólon – Por ser rica em fibras e antioxidantes, a lentilha também previne câncer no intestino, por possuir a capacidade anti-inflamatória.

Ajuda a fortalecer o sistema imunológico – Por ser rica também em zinco, mineral essencial para estimular a imunidade, prevenindo gripes e resfriados.

Qual é o consumo ideal da lentilha?

Com tantos benefícios que o alimento pode trazer para a nossa alimentação saudável, o consumo recomendado da lentilha, deve variar entre 3 à 4 vezes por semana, em uma porção média de 80 à 100g (uma concha média), substituindo outras leguminosas, como os feijões, ervilhas ou grão-de-bico.

Lentilha engorda?

Assim como qualquer alimento em excesso pode causar ganho de peso, a lentilha também funciona assim. O que acontece é que a lentilha é um alimento que oferece poucas calorias e quase nada de gordura, além de conter fibras, proteína e carboidratos de lenta absorção que aumentam a saciedade e tornam mais difícil o ganho de peso.