Alcachofra propriedades nutritivas e medicinais

Conhecida por auxiliar na perda de peso, a alcachofra traz benefícios que vão muito além disso. Junto com o brócolis e a couve-flor, ela é uma das flores mais consumida do mundo e não é só pelo seu gosto único, a alcachofra é versátil e tem excelentes propriedades nutritivas e medicinais. É uma planta perene, procedente da região sul do Mar Mediterrâneo e a Itália é o país europeu que mais cultiva alcachofra, especialmente nas regiões da Sardenha, Sicília e Puglia.

Como na maioria das hortaliças, a alcachofra é composta principalmente de água e fibras, úteis para estimular o bom funcionamento dos intestinos. Contém vitamina C, tiamina, riboflavina, niacina, ácido fólico, vitamina B6, B12, vitamina A, E, D e vitamina K. É também grande fonte de minerais importantes entre os quais cálcio, ferro, zinco, sódio, potássio, manganês, cobre, fósforo e zinco. Como se não bastasse ela têm baixa concentração de gordura saturada e colesterol.

A alcachofra pode ser considerada um superalimento em todos os sentidos da palavra. Os fitonutrientes que ela possui promovem efetiva ação antioxidante no organismo. Em um estudo realizado pelo Departamento de Agricultura dos EUA e publicado no American Journal of Clinical Nutrition mostrou que uma porção de alcachofras proporciona maiores benefícios antioxidantes por porção do que muitos outros alimentos tradicionalmente considerados antioxidantes como chocolate, mirtilo e vinho tinto.

O fitoterápico da Alcachofra é oferecido no Sistema Único de Saúde (SUS), e não são raros os relatos de pacientes tratados que elogiam os resultados que tiveram com a esta medicação. Pacientes relatam que tiveram significativas melhoras de saúde após o uso do medicamento, principalmente para tratar problemas digestivos, diminuir os níveis de colesterol e como auxiliar na perda de peso.

Leia também: O papel dos antioxidantes em nosso organismo

Leia também: Couve-flor um vegetal que merece estar em sua dieta

Benefícios da alcachofra

– Auxilia na prevenção e tratamento de problemas digestivos: As Alcachofras são ricas em fibras. As fibras que comemos são os componentes da nossa dieta que mais trazem beneficios para a saúde e funcionalidade do nosso sistema digestivo. As fibras ajudam a manter a regularidade dos movimentos intestinais e diminuem os sintomas de constipação. Em casos de diarreia, as fibras atuam absorvendo o excesso de líquido e ajudando na formação do bolo fecal.

A ingestão de alimentos ricos em fibras pode reduzir as chances de uma variedade de câncer de estômago e intestino, bem como inchaço, cólicas, flatulência em excesso e desconforto geral no estômago.

– Melhora o metabolismo e pode ajudar a emagrecer: Um nutriente interessante e altamente benéfico encontrado na alcachofra é o manganês. Este mineral é usado no metabolismo do colesterol e da gordura no organismo, tornando-se absolutamente essencial para permitir que o corpo utilize corretamente os nutrientes dos alimentos que comemos, auxiliando, dessa forma, a perda de peso.

– Reduz o colesterol: A redução do colesterol é um dos benefícios da alcachofra mais desejados. O colesterol é um tipo de gordura que se acumula no interior das artérias do sistema cardiovascular, bloqueia o fluxo de sangue, aumenta a pressão arterial, e pode levar a ataques cardíacos e acidentes vasculares cerebrais fatais.

– Ajuda a reduzir a pressão sanguínea: Alimentos ricos em potássio, como bananas, batata doce, e, claro, alcachofras ajudam a manter um equilíbrio saudável de eletrólitos no corpo. O potássio e o magnésio são essenciais para compensar os efeitos potencialmente prejudiciais do consumo de muito sódio, e, em particular, pode ajudar a prevenir ou combater a pressão arterial elevada.

Minerais presentes na alcachofra ainda atuam como vasodilatadores e são benéficos para pessoas hipertensas. Diabéticos também são incentivados a comer alcachofras para prevenir as complicações associadas com os níveis da pressão arterial que podem levar a ataques cardíacos e doenças coronárias.

– Reforça a saúde do fígado: Por séculos a alcachofra é usada ​​como tônico para o fígado, mas o mecanismo exato do seu funcionamento só foi compreendido pela ciência moderna recentemente. Estudos mostraram que dois antioxidantes presentes na alcachofra, a cinarina e a silimarina, melhoram o fluxo de bile através da vesícula biliar e por isso podem melhorar a saúde geral do fígado. A regulação da bile combate a presença de toxinas e facilita a eliminação destas pelo fígado.

– Pode prevenir e tratar câncer: Alcachofras têm os mais altos níveis de antioxidantes de todos os vegetais. Os antioxidantes são um dos principais meios de defesa do nosso sistema imunológico contra os efeitos dos radicais livres, derivados naturais de metabolismo das células, que podem levar a muitas doenças perigosas, incluindo o câncer.

As propriedades antioxidantes da alcachofra vêm de uma série de fontes, uma das quais são os polifenóis. Eles têm propriedades que podem retardar, parar ou reverter completamente os efeitos do câncer. Os altos níveis de quercetina e rutina, dois antioxidantes específicos já reconhecidos por reduzir as chances de desenvolver câncer, são outra dessas fontes. A vitamina-C, encontrada em níveis significativos em alcachofras, também é um antioxidante conhecido por reduzir as probabilidades de câncer da mama.

– Combate defeitos de formação do feto: Alcachofra possui uma alta concentração de ácido fólico e por isso é um vegetal incrivelmente útil na alimentação de mulheres grávidas ou que pretendem engravidar. O ácido fólico pode ser um apoio na prevenção de defeitos do tubo neural em embriões em desenvolvimento e pode ainda aumentar a fertilidade em homens e mulheres.

A lista de benefícios atribuídos ao ácido fólico relacionados com a gravidez é extensa. Ele tem sido associado inclusive à prevenção de outras complicações que podem ocorrer durante a gravidez e o parto como a pré-eclâmpsia, lábios leporinos e defeitos cardíacos congênitos.

– Auxilia na manutenção da saúde óssea: Alcachofras são um dos melhores alimentos para a aquisição de vitaminas e minerais, especialmente minerais como o magnésio, fósforo e manganês. Estes minerais são essenciais na manutenção da saúde e da densidade óssea, reduzindo assim as chances de doenças como a osteoporose.

O vegetal ainda contém vitamina K, que pode ajudar a reduzir a calcificação vascular além de possuir outro benefício interessante: a vitamina K atua na formação dos ossos. Alcachofras também contém vitamina C, que além de ser bem conhecido pelas suas propriedades de suporte ao sistema imunológico, também está envolvida diretamente na formação de uma proteína conhecida como o colágeno, que é essencial para a saúde das células da nossa pele e dos ossos.

– Promove mais saúde ao cérebro e melhora as funções cognitivas: Alcachofras fornecem cerca de 10% da ingestão diária recomendada de vitamina K. Esta vitamina oferece proteção contra degeneração das células do cérebro e contra lesões neuronais ajudando assim a prevenir contra doenças cognitivas, tais como demência e doença de Alzheimer.

O fósforo também é um mineral essencial que é encontrado nas alcachofras e tem um papel fundamental na saúde das células do cérebro.

Opções de consumo da alcachofra

Além de todos esses benefícios para a saúde, a alcachofra ainda é bem versátil. Há quem prefira consumir a planta só pelo sabor e, nesses casos, ela pode aparecer no prato tanto crua quanto cozida. Quando o interesse é medicinal, o comum é fazer chás com a planta ou mesmo consumi-la em forma de cápsulas.