Abobrinha um vegetal de fácil digestão

A abobrinha é um vegetal de fácil digestão, com sabor suave e que combina como acompanhamento de carne, frango ou peixe e que acrescenta valor nutricional sem adicionar calorias em qualquer dieta. Originária do continente americano, do Peru até o sul dos Estados Unidos. 

Os dois tipos de abobrinha mais comuns no mercado brasileiro são: a abobrinha tipo menina, que tem o fruto com pescoço e a tipo italiana, com o fruto alongado sem pescoço. As cores vão do verde bem claro, quase branco, até verde médio com faixas de cor verde mais escuro.

Esta hortaliça é um dos alimentos mais ricos em vitamina do complexo B e do mineral magnésio, a iguaria é uma das melhores opções para as principais dietas de emagrecimento, controle de doenças e funções reguladoras do organismo. Uma pesquisa realizada pelo Institute of Oregon State University, nos Estados Unidos, revelou que a ingestão das vitaminas do complexo B, encontradas na abobrinha, reduz a possibilidade de danos ao DNA, fator de risco para o câncer, por exemplo.

Além das vitaminas as abobrinhas oferecem uma excelente quantidade de minerais como fósforo, potássio, cálcio, ferro e magnésio. A abobrinha também possui luteína em sua composição, um carotenoide responsável pelo efeito antioxidante que o alimento oferece ao organismo. Para se beneficiar dessa ação, a casca e as sementes devem ser preservadas durante o consumo, pois são nelas que os antioxidantes estão presentes em maior quantidade.

Leia também: Chuchu muito mais que um elogio

Leia também: Complexo B e seus benefícios

Benefícios da abobrinha

– Ajuda a emagrecer: A abobrinha tem pouquíssimas calorias (27 calorias para cada 100 gramas), isso faz com que ela seja um excelente alimento para compor o cardápio nutricional de quem deseja emagrecer. Além disso, em sua composição, o alimento tem bastante água e pouquíssimas gorduras (0,19 gramas de gordura para cada 100 gramas do vegetal).

– Melhora a constipação gestacional: Por integrar o grupo das hortaliças, sendo importante fonte de vitaminas, minerais e fibras alimentares, a abobrinha pode ser considerada um alimento que auxilia nos quadros de constipação, comuns na gravidez.

– Contribui com a formação do feto: A abobrinha é rica em ácido fólico, uma vitamina do complexo B que contribui para que o desenvolvimento do tubo neural do bebê seja perfeito.

– Regula os níveis de açúcar no sangue: Por ter um índice glicêmico baixo, que proporciona liberação mais lenta do açúcar no sangue, e também pela presença de pectina, que é uma fibra que influencia nos níveis de insulina, o consumo regular da abobrinha permite que os níveis de açúcar no sangue sejam controlados.

– Ação anti-inflamatória: a presença de betacaroteno, luteína e ômega 3 na abobrinha beneficia o organismo protegendo-o contra inflamações, evitando problemas como a úlcera gástrica e também tornando o coração mais saudável.

– Ação anticancerígena: Os altos níveis de fibra presentes na abobrinha evitam que toxinas cancerígenas possam se estabelecer no cólon, bem como promovem evacuações saudáveis e regulares. As vitaminas A e C são fortes agentes antioxidantes, capazes de eliminar os carcinógenos que podem levar a diferentes tipos de cânceres malignos.

– Ajuda evitar asma: A abobrinha contém nutrientes que auxiliam no relaxamento muscular, como é o caso do magnésio. Além disso, conta com a vitamina A que ajuda na regeneração dos tecidos e das células, selênio que também é responsável por atividades antioxidantes e vitamina C que ameniza os processos de inflamação.

– Colabora com a saúde do coração: Seus compostos antioxidantes reduzem os níveis de colesterol ruim (LDL) e marcadores inflamatórios como a PCR (proteína C-reativa), auxiliando, consequentemente, na boa saúde do coração. Além disso, possui magnésio, mineral que ajuda a reduzir o risco de ataque cardíaco e derrame. O alimento também fornece folato, que é uma vitamina D necessária na quebra do perigoso aminoácido homocisteína: em níveis altos no organismo pode contribuir para os dois males citados anteriormente.

– Ação antimicrobiana: A abobrinha é indicada principalmente contra parasitas intestinais, uma vez que suas sementes e o óleo extraído delas ajuda a eliminá-los do corpo.